20 respostas para as perguntas mais frequentes na secretaria

Está chegando o tão esperado momento de início do ano letivo de 2021. Depois tudo o que vivemos, merecemos um retorno tranquilo e agradável. Para auxiliar alunos e e famílias, respondemos as 20 dúvidas que mais têm aparecido na secretaria da Escola. Se ainda estiver com dúvidas, agende uma conversa com o Serviço de Apoio Educacional – informe-se!

1) O que é o Nexo? É o programa de ensino híbrido da Escola São José. Nexo significa elo, conexão e também coerência e este é o objetivo da proposta pedagógica para 2021. A Educação está passando por uma grande revolução e é preciso acompanhar os novos tempos com responsabilidade, segurança e a mesma qualidade de ensino de sempre.

2) Afinal, o que é Ensino Híbrido? É uma grande revolução educacional que vai muito além do uso da internet nas salas de aula. O ensino é personalizado para cada aluno, por meio da combinação de aulas e atividades presenciais e on-line. Reúne métodos pedagógicos inovadores (sala de aula invertida e outras metodologias ativas). Dessa forma, o aluno tem o benefício das interações sociais, vivência em comunidade, acompanhamento dos professores e usufrui de todas e ferramentas do mundo virtual.

3) Por que o Nexo é chamado de programa? Porque um programa reúne um conjunto de projetos ao redor de uma mesma proposta pedagógica.  

4) Quantos e quais são os projetos que compõem o Nexo? O Nexoé composto por 5 grandes projetos: 1) Formação continuada de professores. 2) Modernização das salas de aula presenciais. 3) Plataforma virtual de ensino. 4) Aprendizagem Socioemocional e 5) Intervenção Pedagógica Ativa.

5) Quando iniciam as aulas na Escola São José? As aulas iniciam no dia 22/02 para o Ensino Fundamental e 23/02 para a Educação Infantil.

6) Ainda não efetivei a matrícula/rematrícula do meu filho. O que devo fazer? Entre em contato com a secretaria da escola por e-mail ou telefone e solicite o requerimento de matrícula. Após receber o requerimento preenchido, a secretaria irá lhe avisar que o contrato está pronto e você pode comparecer na escola para finalizar o processo. Assim fica mais rápido e mais seguro para todos.

7) Teremos aulas presenciais em 2021? Sim. As aulas iniciam no modelo híbrido, com 50% da turma presencial e 50% atividade domiciliar. Será criado uma escala de revezamento entre os alunos. Porém, dependendo do andamento da pandemia, o governo pode decretar novamente o ensino remoto para todos.

8)  Ainda não estou segura sobre a pandemia, sou obrigada a enviar meu filho para as aulas presenciais? Não. O comparecimento nas aulas presenciais não é obrigatório. No entanto, a família deve ser responsabilizar pelo acesso e realização das atividades domiciliares. O governo estadual está debatendo esta questão e poderá a regra no futuro. Para informar sua decisão à escola, basta responder a enquete que recebeu por e-mail. Caso não tenha localizado a enquete, solicite para a secretaria.

9) Meu filho é de grupo de risco, sou obrigada a levá-lo para a Escola? Não. No entanto, é necessário enviar para a escola um atestado médico confirmando a decisão do médico e da família para acompanhamento da escola.

10) Qual o tempo de duração das aulas em 2021? As aulas presenciais ou remotas terão a duração de 4 horas, das 13h17h ou das 7h45 às 11h45. No entanto, o tempo das aulas remotas é contato de forma diferente, levando em conta o tempo de realização das atividades em casa.   

11) Preciso comprar os livros didáticos de 2021? Sim. A família concorda com a aquisição do material ao assinar o contrato escolar. Os livros são parte importante do processo pedagógico. Recomendamos que os alunos não se desfaçam dos livros didáticos de 2020, pois serão solicitadas atividades de reforço. Além disso, os recursos digitais da Plataforma Plurall só poderão ser acessados com o código constante no livro. Os livros serão usados nas aulas a partir de 01/03 e já podem ser adquiridos e retirados na secretaria.

12) Preciso entregar a lista de material na escola? A lista de material deve ser entregue apenas por alunos novos ou aqueles alunos que não entregaram os materiais em 2020. Se você entregou a lista no ano passado, não precisa entregar em 2021. Confira na lista a data de entrega na escola.

13) Comprei os livros didáticos em outro lugar, por que preciso pagar o Líder em Mim na secretaria da escola? O Líder em Mim é um programa de desenvolvimento socioemocional que é muito mais do que o material impresso que vem junto, é um conjunto de assessoria pedagógica, treinamento e aperfeiçoamento constante para professores, alunos e familiares, e recursos. É serviço é fornecido diretamente à escola pela SOMOS Educação.

14) O que é o Líder em Mim? O programa Líder em Mim entra no terceiro ano de adoção na Escola São José. É um programa mundial, adotado em mais de 50 países, que teve início há mais de 20 anos nos Estados Unidos. A aprendizagem socioemocional é o processo de aquisição de habilidades sociais e emocionais e é tão importante quanto aprender a ler ou a calcular. Contribui tanto para o sucesso acadêmico quanto para o sucesso na vida pessoal e profissional. Se antes já era uma obrigação, os acontecimentos de 2020 evidenciaram a necessidade da aprendizagem de habilidades socioemocionais no contexto escolar.

15) O uniforme escolar é obrigatório? Sim. O uniforme escolar é obrigatório para todos os alunos da Educação Infantil, Fundamental 1 e Fundamental 2. A família concorda e se responsabiliza pela compra e uso adequado do uniforme no ato de assinatura do contrato escolar. 

16) Acho que meu filho acabou não aprendendo todos os conteúdos que devia em 2020. O que a escola irá fazer sobre isso? A escola trabalha com projetos de intervenção pedagógica ativa para cada nível de ensino, que têm como objetivo garantir a aprendizagem plena dos nossos alunos. São eles:  

  1. Projeto Reforçando. Reafirma a responsabilidade da escola em preencher possíveis lacunas de aprendizagem, maximizando o aproveitamento do aluno nas atividades domiciliares, facilitando o processo de organização, de aprendizagem e de concentração, além de despertar o prazer em aprender. Volta-se para alunos do 1º ao 6º ano.
  2. Projeto Acelera. É focado no fortalecimento da aprendizagem no 1º e 2º ano, promovendo a alfabetização e o letramento através de um trabalho pontual a fim de acelerar a aquisição de conhecimento frente ao momento em que estamos vivendo. A alfabetização é a essência do início da vida escolar no Ensino Fundamental.
  3. Projeto Trilhas. Altera profundamente a forma de trabalho do professor. As trilhas de aprendizagem são um conjunto integrado e sistemático de ações de desenvolvimento que recorrem a múltiplas formas de aprendizagem. É uma metodologia que tem como foco a integração de diversas técnicas de ensino com o objetivo de produzir o conhecimento necessário para o desenvolvimento de competências e habilidades. Uma das principais características é transformar o aprendizado em um processo contínuo e de longo prazo. Além disso, o uso de múltiplos recursos  como textos, vídeos, áudios, palestras, aulas práticas, faz com que a trilha de aprendizagem seja completamente dinâmica.

17) Como a professora sabe o que o meu filho precisa aprender? Os professores utilizam duas ferramentas fundamentais para criar os programas e projetos de aula. Durante as duas primeiras semanas de aula, serão realizadas Avaliações Diagnósticas Individuais para identificar o nível de aprendizagem. Além disso, em 2020, foram criados registros e pareceres de acompanhamento para que os professores novos possam consultar e se atualizar sobre a situação de cada aluno em 2021. Essas duas práticas criam juntas um acompanhamento de aprendizagem de longo prazo.

18) O que é a tal Formação Continuada que andam falando por aí? A formação continuada nada mais que do que a programação de palestras e treinamentos que a escola oferece para dar suporte ao trabalho dos professores. A escola contratou o PROFS (Programa de Formação de Professores), uma plataforma de cursos on-line, com e sem tutoria, que promove a disseminação de conteúdos com novas abordagens e reflexões. O PROFS compreende que o educador é o agente fundamental da transformação da educação e, por isso, tem como objetivo garantir acesso a um espaço seguro e de qualidade para a troca de experiências e aprendizado. Os cursos são desenvolvidos em parceria com especialistas de destaque em cada área, têm uma abordagem construtivista e didática, relacionando tecnologia e educação, além de uma ampla bibliografia de apoio. Além disso, o Programa o Líder em Mim também possui um calendário de formação separado para preparar o professor para lidar com as questões emocionais e afetivas dos alunos.

19) Qual será a Plataforma de Ensino Virtual usada nas aulas remotas e como faço para acessar? As aulas remotas acontecerão através do Plurall, sistema que integra recursos virtuais com o material didático adotado pela escola. Se tiver dificuldade para acessar, procure a secretaria. Em 2021, não serão enviados links para aulas remotas. O acesso será direto pela plataforma. A plataforma Plurall é uma ferramenta de tecnologia educacional que integra as soluções da SOMOS Educação. Com diferentes recursos, tais como, material didático on-line, vídeos, orientações, bancos de questões e outros, a ferramenta possibilita que a Escola São José disponibilize ao aluno um ambiente educacional cada vez mais tecnológico e prático. O aluno do século XXI está conectado o tempo todo, com informações ilimitadas disponíveis na palma da mão. Dessa forma, a plataforma Plurall se torna uma grande aliada no processo de aproximação dessa nova geração.

20) Quais serão as medidas no horário do recreio? Seguindo o princípio do distanciamento entre turmas, o recreio acontecerá de forma escalonada, no pátio da escola. Os alimentos serão consumidos em área aberta para maior segurança. O aluno irá tirar a máscara na hora da refeição e, após consumo e higiene das mãos, deve colocar uma máscara nova. As medidas de distanciamento e higiene serão repassadas diariamente pela equipe pedagógica. Foram espalhados pela escola cartazes com as orientações e dispensadores de álcool em gel e borrifadores para higienização de mãos e ambientes.

5 Dicas para se preparar para o retorno das atividades presenciais

CONTAGEM REGRESSIVA: Falta apenas uma semana para o início do ano letivo.

A retomada das atividades presenciais pode gerar muita dúvida e ansiedade na família e nos alunos. Por isso, preparamos 5 dicas para auxiliar as famílias nesse momento. O retorno deve ser um momento prazeroso, de reencontro do aluno com a Escola. A Escola São José está preparada para atender com segurança todos os alunos no retorno das atividades presenciais (modelo híbrido).

Dica 1. Informe-se sobre o funcionamento da escola. Busque compreender com antecedência as medidas adotadas pela escola, as normas e horários de entrada e saída. Se houver dúvidas, converse com o Serviço de Apoio Educacional (escolasaojose.sae@gmail.com). O protocolo completo está disponível no site da escola (escolasaojose.com).

Dica 2. Chegue no horário combinado. Como o acesso da família no ambiente escolar está restrito devido as medidas de contingência da pandemia, não adianta chegar antes do horário e ficar parado no portão da escola. Não haverá filas na quadra, os alunos são entregues no portão da escola e vão direto para a sala de aula. Organize-se para chegar dentro da margem de horário de acolhimento e lembre-se que atrasos prejudicam toda a turma. Evite também aglomerações na calçada e respeite a sinalização de distanciamento.

Horários de acolhimento:

Turno da manhã: 7h45 às 8h.

Turno da tarde: 13h às 13h15.

Dica 3. Cuide-se e respeite os protocolos de entrada e saída. A segurança e a preservação da vida são as nossas grandes preocupações. Por isso, seguimos sem exceção os protocolos de prevenção, entre eles:

  • O ingresso no ambiente escolar é permitido apenas para alunos, professores e funcionários. No portão da escola, respeite a sinalização e as medidas de segurança. As famílias não podem ter acesso ao prédio de aulas. Não insista.
  • A temperatura é aferida com termômetro digital infravermelho e só terá acesso ao prédio quem estiver com temperatura inferior a 37,8°C.
  • Alunos com qualquer sintoma de síndrome gripal não podem comparecer às aulas presenciais. Caso seja constato durante o turno de aula, o aluno será isolado na sala de acolhimento e um familiar deverá buscá-lo imediatamente.

Dica 4. Coloque na mochila o essencial. O retorno das atividades presenciais está gerando grande expectativa nos alunos e nas famílias. Para evitar transtornos, foque no essencial: as medidas de segurança. Confira:

  • Máscaras: o aluno deve usar máscara uma máscara firme, que não pode ficar caindo do nariz, e deve trazer no mínimo outras duas máscaras para trocar ao longo do turno.
  • Material escolar: o material escolar é de uso pessoal e individual. Devido ao plano de contingência da pandemia, não poderá ser emprestado ou compartilhado.
  • Garrafa de água: os bebedouros foram substituídos por filtros de água. O aluno deve trazer a sua própria garrafa de água já abastecida.
  • Álcool em gel. Colocamos álcool em gel em dispensadores na grande maioria dos ambientes. Porém, recomendamos que cada aluno também tenha o seu frasco de álcool em gel para prevenção.

Dica 5. Organize livros, materiais e uniformes com antecedência e com a participação do aluno. O preparo para o retorno presencial deve ser feito com antecedência e conversado em casa. Ter tudo pronto com antecedência provoca no aluno sentimentos e conforto e segurança. Já, chegar em aula com materiais faltando ou desorganizado pode deixar o aluno inseguro. Converse com o aluno e explique antes como as coisas irão funcionar, mas evite assustá-lo. Para gerar tranquilidade, lembre-o que ele sempre pode pedir a ajuda da professora.  Colabore com a escola. A parceria escola-família é fundamental para o sucesso.

Reinício para a Educação Infantil: quarta, 03/02

Chegou o momento de retomarmos as atividades da Educação Infantil, com cautela e seguindo todos os protocolos de segurança. Matrículas 2021 abertas. Agende uma visite e tire suas dúvidas através do telefone: 51 3475.2478.

Com a retomada das atividades profissionais no país, tem crescido o número de famílias que nos procuram em busca de educação e cuidado de qualidade para os pequenos. Por isso, decidimos retomar as atividades presenciais da Educação Infantil a partir de 03 de fevereiro de 2021. Teremos turmas reduzidas e com horário integral, conforme a modalidade contratada. Informações completas de matrículas aqui.

As atividades presenciais da Educação Infantil estão autorizadas em Canoas desde o mês de setembro/2020 e o nosso protocolo de segurança foi aprovado pelo Centro de Operações de Emergência de Canoas (COE) desde julho/2020. Assim, estamos retomando as atividades com muita tranquilidade. O documento completo com as medidas adotadas pode ser consultado aqui. Sobre as atividades presenciais do Ensino Fundamental, ainda aguardamos decisão municipal.

Reinício das atividades em horário integral: 03 de fevereiro de 2021

Um feliz e próspero 2021 a todos!

Somos navegantes do tempo de nossos dias. Diante do passar das horas, podemos escolher o alimento da consciência e colher o mistério de cada minuto e a beleza de cada instante. Porém, como navegantes, encontramos tempestades que nos afligem e calmarias que nos inquietam. Mas como marinheiros de nossa própria existência, sabemos que, com sóis mais fortes ou nuvens mais espessas, se constrói a paisagem da vida. Com todas as mudanças do tempo, mudamos também e aprendemos a ser a beleza única que cada um de nós é. Que, em 2021, sóis agradáveis acompanhem cada vez mais a nossa jornada, que bons ventos nos levem aos melhores portos e que as tempestades sejam o que normalmente são: passagem. Nossa escola deseja a todos um Feliz 2021!

Feliz Natal!

Nas noites mais escuras, as luzes brilham mais forte e, então, somos brindados com a possibilidade de vermos muito mais. Vemos as luzes dos sorrisos de quem amamos. Vemos a luz do olhar de quem nos faz companhia. E, se fecharmos os olhos, vemos as luzes que acompanharam os momentos mais escuros de nossa caminhada. Que possamos ver, cada vez mais, a luz da vida que nos ampara com toda a sua força e beleza. Feliz Natal!

10 Dicas para iniciar com tudo no 1º ano

Quando uma criança chega no Ensino Fundamental, uma série de mudanças no seu cotidiano está por vir. Também a sua família precisará se adaptar à nova rotina. É natural que nesse momento apareçam também algumas dúvidas sobre como ela se sairá nesse novo momento de sua vida de estudante. As brincadeiras ainda terão seu espaço, mas seu tempo será diminuído enquanto a hora de estudar ganhará mais importância. Na mochila, o brinquedo de casa ainda poderá entrar em alguns dias, mas dividirá espaço com os livros e cadernos. As responsabilidades, aos poucos, também vão crescer: haverá tarefa de casa, atividades que envolvam à família e avaliações. Todas essas mudanças, porém, não devem ser encaradas como um problema. Elas fazem parte da evolução natural e saudável da vida da criança.


Por isso, preparamos para vocês este breve informativo com dez dicas para que iniciem a próxima etapa com tranquilidade.

  1. Organize a rotina com antecedência: confira o horário de início e término das aulas (13h – 17h, para o horário regular de aula do 1º ano). A Educação Infantil possui mais flexibilidade de horário. No Ensino Fundamental há maior controle de atrasos e faltas.
  2. Defina um local e horário diário de estudos em casa: o estudo em casa faz parte da vida de todo estudante. Por isso, você precisa ajudar seu filho a desenvolver esse hábito que fará toda a diferença ao longo de sua vida escolar e para o futuro. Escolha um local com uma mesa (exclusiva para isso, se possível) e boa iluminação. Uma prateleira ou armário próprio para os materiais escolares também irá ajudar na organização da rotina.
  3. Adquira os materiais e livros didáticos antes do início das aulas: a falta de livros e materiais durante as aulas pode provocar muita insegurança no aluno. Ao contrário, saber que os materiais estão todos disponíveis ajudará ele a ter confiança e tranquilidade desde as primeiras atividades do ano.
  4. Organize o material com antecedência: a participação da criança será essencial nesse processo, desde a compra dos cadernos e outros materiais até sua identificação e organização na mochila. Isso irá ajudar a desenvolver a responsabilidade com os materiais desde o início.
  5. Adquira o uniforme escolar antes do início das aulas: vir para a escola com o uniforme ajudará o aluno a se sentir incluído e parte do grupo. Além disso, auxilia na segurança nos horários de entrada e saída da escola.
  6. Ajude nas tarefas de casa, mas nunca faça o tema por ele: inserir o tema de casa na rotina da família pode ser um grande desafio. Por isso, é preciso estar preparado e consciente na importância do estudo domiciliar para a aprendizagem efetiva. O tema de casa fará com que o aluno enfrente os desafios pedagógicos fora da escola, fixe o assunto que aprendeu, estabeleça uma rotina e construa sua autonomia. O mais importante é a prática diária. Deixe a correção das tarefas para a professora.
  7. Leia histórias para seu filho: se a sua família ainda não tem este hábito, está na hora de tentar criar. Pode ser na hora de dormir, pode ser após o banho ou no final da lição de casa. O importante é destinar alguns momentos na semana para esta atividade. Pode ser organizado até um revezamento entre pais, avós, tios etc. Esta brincadeira em família tem o poder de despertar a vontade de ler nos pequenos. A biblioteca da escola tem uma grande quantidade de leituras disponíveis. Tire um momento para conhecer como funciona e converse com a nossa bibliotecária (ela está conosco todas as sextas-feiras).
  8. Faça primeiro o mais importante: aprenda e ensine esse hábito essencial o seu filho. Temas, trabalhos escolares e a organização dos materiais para o dia seguinte deve sempre ser prioridade, junto com o banho, a escovação dos dentes e todas as outras tarefas do dia a dia. Nunca use a rotina escolar como castigo e não esqueça de elogiar as tarefas realizadas. Mais uma vez, faça isso com a ajuda da criança, assim ela vai desenvolvendo autonomia e responsabilidade.
  9. Confira diariamente os informativos enviados via e-mail pela escola, o Portal do Aluno e a agenda escolar: estes são os principais meios de comunicação com a escola. Através do Portal do Aluno, você pode trocar mensagens com a professora e agendar uma reunião.
  10. Sempre procure resolver suas dúvidas com a Supervisão Pedagógica: a partir do Ensino Fundamental, os alunos são entregues na fila (na quadra coberta) e não mais na porta da sala. Os responsáveis não têm acesso à sala de aula ou à professora no início ou final dos turnos de aula, pois a prioridade nesse momento é o atendimento imediato aos alunos. No entanto, o Serviço de Apoio Educacional (SAE), ligado à Supervisão Pedagógica, está sempre disponível para auxiliar as famílias e resolver todas as dúvidas que surgirem. Lembre-se para atendimento com a professora, é necessário agendamento prévio de horário.

Professora Maria, exemplo de coragem e determinação para Canoas

A professora Maria Oliveira de Araujo chegou em Canoas aos 36 anos e foi morar no bairro Niterói, sem sequer imaginar a contribuição que faria para a sua nova comunidade.

Maria estava acompanhada dos pais Tertuliano e Edelmira, já idosos, ao se mudar para a mesma vizinhança de Ivo, seu irmão mais velho. Tertuliano morreu meses após a chegada em Canoas, e Maria precisou trabalhar e cuidar da mãe de 70 anos, apesar de não ter nenhuma experiência profissional. Como tinha completado o curso normal em Dom Pedrito, começou a dar aulas particulares para crianças da vizinhança. Logo o bairro a conheceria como “Professora Maria”, e já em 1960 ela criou com o apoio da família “a escola da professora Maria”, como seria carinhosamente chamada ao longo dos anos a Escola de Ensino Fundamental São José.
As décadas seguintes foram divididas entre o espírito empreendedor e o amor pela mãe. De um lado, Maria era uma mulher solteira e independente, que administrava o próprio negócio e descobria sua vocação e seu propósito de vida: a Educação. Por outro, estava incansavelmente ao lado da mãe, que toda a família chamava de “Mosinha” e que Maria chamou a vida toda de “Mamãe”, até o seu falecimento na invejável idade de 100 anos, em 1983.

No ano de 1979, fundou a Associação Educacional Prof. Maria Oliveira de Araujo, entidade mantenedora da Escola São José, criada com o objetivo de orientar e dar sequência aos projetos da instituição. Na década de 1980, com recursos próprios, adquiriu um terreno na Rua Iraí e, após mais alguns anos, finalmente iniciou a construção da sede atual da escola. É difícil contabilizar quantos canoenses aprenderam a ler com a professora Maria e sua equipe, quantos se divertiram nas suas festas juninas, quantos conheceram seus melhores amigos e futuros maridos e mulheres nas suas salas de aula, quantos descobriram seu potencial sentados às suas mesas.

A professora Maria era uma mulher alta e forte, tanto de corpo quanto de personalidade. Aos 60 anos, com um toque de vanguarda e rebeldia juvenil, tirou licença para dirigir uma moto, que durante mais de uma década usou para, entre outras coisas, buscar os alunos “fujões” em casa. Na virada do milênio, se aproximando dos 80, a agora “dona Maria” entrou para a primeira turma do projeto Ulbra para Terceira Idade (Ulbrati), onde construiu novos laços de amizade. Muito ativa no projeto, conquistava novos integrantes para o grupo. Maria adorava dançar tango, jogar vôlei e viajar com os colegas da Ulbrati, entre as muitas atividades das quais participava.
A professora Maria dedicou a maior parte da sua vida a Canoas e à Educação, mas nunca esqueceu suas raízes na fronteira oeste do estado. Ela visitava regularmente Dom Pedrito, sua cidade natal, e se correspondia com as amigas pedritenses da juventude. Em 1992, foi homenageada pela Câmara de Vereadores de Dom Pedrito, no Encontro de Pedritenses Ausentes, por “sua importante ação educativa fora do munícipio”.
Com o tempo, a professora Maria passou a atuar apenas como diretora, cargo em que permaneceu até 2003, quando entregou o comando da escola para Maria Cristina Araujo, a sobrinha que amava como uma filha. Em uma última lição de educadora e empresária, soube afastar-se do trabalho de mais de quatro décadas e deixar a escola crescer e evoluir nas mãos da próxima geração.

A professora Maria Oliveira de Araujo faleceu em 2014, poucos meses antes de completar 90 anos, mas seu legado permanece vivo. Em 2020, a escola que fundou sozinha comemora 60 anos de existência, e seus alunos incluem muitos filhos, netos e até bisnetos de seus ex-alunos. Maria nunca casou, mas conquistou uma infinidade de amigos; nunca teve filhos, mas amou e foi amada pelos sobrinhos e sobrinhos-netos como mãe e avó. Seu jeito simples e corajoso de ser, seus princípios ganham vida com o trabalho da Escola São José, hoje administrada pela sua família sob o lema “Educando Gerações”.

Memorial Professora Maria Oliveira de Araujo, na secretaria da escola.
Ao receber a placa de comemorativa dos 50 anos da Escola São José (2010).

Vídeo celebra 60 anos de Festas Juninas na Escola

No encerramento do mês de Festas Juninas, escolhemos abrir a nossa página as comemorações dos nossos 60 anos. O vídeo relembra um pouco de tudo que nossa escola já presenciou. Uma página especial no nosso site vai reunir todas as histórias que conseguirmos juntar este ano. Temos muita coisa para compartilhar!

E você? Tem alguma história de festa junina da Escola São José para nos contar? Manda para nós uma foto com a sua história. Vamos ficar felizes em divulgar.

Fundamental 2 e o Hábito 2 do Programa Líder em Mim

Os alunos do Fundamental 2 foram incentivados a encontrar árvores que representassem a si mesmos, na aula de Filosofia da professora Dilene.
“Conversamos sobre como é importante concentrar nossas energias no crescimento do caráter, trabalhando ética e moral. Assim estabelecemos nossa árvore de evolução pessoal. Na raiz o que sustenta e dá a base para o nosso caráter e personalidade. No tronco, o crescimento como ser humano, o que vai fazer você crescer como pessoa em busca de seus sonhos. E a copa são os objetivos alcançados”, explica a profe. Para Dilene,
este trabalho planta a mensagem de que “se a vida lhe colocar em uma tempestade, você permanecerá firme porque suas raízes são fortes e infalíveis”.

O mural de fotos é resultado das reflexões sobre o Hábito 2 – comece com o objetivo em mente: tenha um plano. Ficaram demais essas imagens!

Início do 2º trimestre: atividades novas e encerradas

Estimada família,
Informamos que a partir de amanhã estarão encerradas todas as Atividades Domiciliares do 1º Trimestre. Um caderno de resumo dessas atividades ficará disponível na função “Drive” do Portal do Aluno (Sponte).

Esta medida visa unicamente organizar o sistema e facilitar o acompanhamento das novas atividades. Quem deixou atividades incompletas não deve se preocupar. Não há necessidade de o aluno ter que responder tudo desde o início. Não haverá prejuízo de avaliação ou nota por este motivo.

Um novo trimestre se inicia e com ele uma nova jornada. Novas oportunidades estarão disponíveis. O importante é entregar o maior número possível de atividades durante a semana e tentar participar das aulas ao vivo. Se estiver com alguma dificuldade procure a nossa ajuda. #JuntosSomosMaisFortes.

Grande abraço,
Josiane Michels
Supervisora Pedagógica.

Projeto São José Social ajuda famílias no mês de Junho

A arrecadação realizada pelo Projeto São José Social no mês de maio gerou muitos frutos. Conseguimos ajudar 20 famílias com alimentos e produtos de higiene. As cestas foram entregues hoje pela manhã, dia 02 de junho. Somos imensamente gratos a todos que nos ajudaram.


Seguimos recebendo doações para o próximo mês, diariamente, das 9h às 12h. Sempre é tempo de abrir o coração e ajudar um pouquinho. Temos certeza que nossa comunidade escolar pode muito mais.

Livro da Família explica funcionamento da Escola durante isolamento social

Clique em “baixar” para fazer o download do Livro da Família.

Carta às famílias

A Escola São José nunca fecha. A Escola São José não fecha nas férias de
Julho. Não fecha no verão. Não fecha nos feriadões. E não fechou durante a
Pandemia. Descobrimos que a nossa Escola é muito maior do que salas e
pátios. Está nos princípios e nos corações de cada integrante da nossa
comunidade escolar. Na professora que segue sua rotina de preparar aulas
todos os dias e disponibiliza no Portal. No aluno que coloca o uniforme para
fazer a Atividade Domiciliar sentado na mesa da cozinha. No pai que
procura todos os dias as aulas virtuais para orientar o filho. Na mãe que
busca livros online para ler para a menina antes de dormir. No porteiro que
vai todos os dias molhar as plantas para que continuem criando vida entre
nossos muros vazios. Que escola fantástica é a nossa que se reinventou de
um dia para outro! Que pessoas fantásticas somos todos nós que nos
reinventamos todos os dias para garantir aos nossos filhos, filhas, alunos e
alunas o direito básico a uma Educação de qualidade! Nada é fácil, mas
estamos conquistando muito!
É por tudo isso que preparamos com muito carinho este Livro da
Família que você está recebendo. É o nosso modo de deixar claro para
todos da comunidade escolar como estamos trabalhando. Que princípios,
informações e ideias estão por trás das decisões que estão sendo tomadas.
Tudo isso para dizer para vocês, nossas estimadas famílias, que estamos
juntos no meio de tudo isso! Que o ano letivo está garantido e que estamos
aqui para ajudar vocês da melhor forma possível. Não vamos interromper
nossa missão de Educar, pois Educar é o que nos inspira!

Forte abraço a todos!

Maria Cristina Araujo – Presidente da Mantenedora
Maria Karina Ferraretto – Diretora
Josiane Michels – Supervisora Pedagógica
Saimon Damian – Secretário
Clara Araujo da Costa – Administrativo